O poder renovador de INRI

30
3393

Quem imagina que a sigla INRI foi criada somente na crucificação de Jesus, engana-se. Vemos o uso do mantra Inri secretamente entre os egípcios, os pársis (adoradores do Fogo no Irã), e mesmo entre os maias, astecas e incas (o deus Sol entre eles era chamado de INTI, uma variação de Inri). E entre os judeus pré-Jesus o Inri era entoado secretamente durante certos rituais entre os Essênios e os Ebionitas.

Alguns autores dão suas explicações particulares. Eliphas Levi afirma que este mantra sagrado significa Isis Naturae Regina Ineffabilis. Os primitivos Magi (os Iniciados persas) formavam com estas quatro letras três aforismos distintos: Ignem Natura Regenerando Integrat; Igne natura Renovatur Integrat; e Igne Nitrum Roris Invenitur.

Os significados para o Inri não param aí: outros devem ter e outros poderão advir, pois apercebe-se que ela já se tomou mística e a imaginação do homem não limites. E quando algo dessa natureza está envolta também de mistérios, mais surpresas nos reservam. Daqui a algum tempo, possivelmente, documentos guardados por sociedades iniciáticas darão outras interpretações para o tetragrama Inri.

Os Ebionitas e o Inri

Quem eram os Ebionitas? O desenvolvimento desta seita vem desde a época do profeta Samuel, século 9º a.C. até o século 2º d.C. Este profeta, que a pedido do povo instituiu a monarquia e proclamou Saul o primeiro rei de Israel, foi o fundador da seita cujo nome significa “Humildes”. Era formada principalmente por jovens intelectuais e visava ensinar por meio de práticas místicas e exemplos. Grandes profetas aí se formaram destacando-se Isaías, Oséias, Miquéias, Habacuc e Amós, entre outros.

Os eleitos que atingiam o último grau, ficavam encarregados de propagar a seita através de ensinamentos, instruindo e moralizando o povo. Reuniam-se em lugares altos, executavam cantos e danças sagradas ao som de harpas, flautas e violinos. O povo vinha em grande número ouvir as músicas, geralmente seguidas de emocionadas prédicas contra os vícios, a favor das virtudes, pela justiça e pela verdade.

Morto Samuel, a ordem é seguidamente chefiada por Nathan e Elias. Morto este último, vem a escolha recair em Oséias, escolhido entre ele mesmo, Isaías, Miquéias e Amós.

Sob a direção de Oséias a Ordem deu ênfase a práticas de caridade, exercício de justiça, piedade dos desgraçados, defesa da viúva, proteção ao órfão, amor ao estrangeiro, atos que, diziam, agradavam a Deus mais que qualquer culto.

Declaravam que o homem foi dotado de pensamento e conhecimento para executar tarefas e proclamavam ainda que a vida do homem é uma larga agonia e que somente as dificuldades ficam enquanto os prazeres são efêmeros. A vida não é mais do que um sofrimento eterno do nascer ao morrer e seu único lenitivo era a prática da virtude, consciência limpa e coração puro.

Os ebionitas também tinham sinais de reconhecimento. As reuniões e trabalhos começavam como em determinadas sociedades secretas. Quando perguntados, “sois ebionita?”, a resposta era “Três me iniciaram, cinco me completaram e sete me fizeram perfeito”. O chefe, mestre, ensinava que esses números eram sagrados desde a antiguidade e que Moisés os usava de forma misteriosa, ao abençoar o povo pelos sacerdotes, seja, uma bênção continha três palavras, uma segunda bênção, cinco, e uma terceira bênção, sete palavras.

Na entrada das reuniões cada ebionita repetia os números 3, 5 e 7, aos quais o mestre respondia: “Filho bendito do nome sagrado, o sublime número 9, simbolizado na verdade, é o último ideal do esforço humano, o símbolo da verdade divina; podes entrar e iluminar-te com as luzes celestes que aclaram esta assembléia de sábios”.

Ao terminar a reunião, o mestre dizia: “Lembremo-nos que somos ebionitas, os mais humildes e modestos servidores de Deus, da verdade e da justiça”. Tinham seus signos e senhas e ainda usavam, tudo indica, quando reunidos, sobre a cabeça uma peça de pano bordado com um quadrado entrelaçado com um triângulo em cujo centro estavam as letras YOD, NUM, RESCH, YOD, que, pelo alfabeto latino se traduz por INRI, dando a entender que eles eram adeptos da Alquimia Crística, da manipulação do Fogo de Pentecostes, do Fogo sagrado que a tudo regenera, especialmente os elementos naturais: Ar, Fogo, Água e Terra.

Samael e o INRI

“Convém que entendamos melhor o que é o Cristo! Que não nos contentemos em recordar a questão meramente histórica porque o Cristo é uma realidade de instante em instante, de momento em momento, de segundo em segundo. Ele é o Criador! O fogo tem o poder de criar os átomos e de desintegrá-los, o poder de dirigir as forças cósmicas universais etc. O fogo tem poder para unir todos os átomos e criar universos, assim como tem o poder para desintegrar universos: O mundo é uma bola de fogo que se acende e se apaga segundo Leis.

Assim que o Cristo é o fogo. Por isso, se vê sobre a cruz as quatro letras: Inri, as quais significam: Ignis Natura Renovatur Integram, e que equivalem à frase: O fogo renova incessantemente a natureza.

Agora, creio que estão entendendo por que a nós interessa a assinatura astral do fogo, a chama da chama, o oculto, o aspecto esotérico do fogo. É que na realidade o fogo é crístico. Ele tem poder para transformar tudo o que é, tudo o que foi e tudo o que será. Inrié o que nos interessa. Sem Inri não é possível que nós nos cristifiquemos.

Já foi dito que o Cristo Íntimo, o Cristo Cósmico, tem de dar três passos, de cima para baixo e através das sete regiões do Universo. Também disse que o Cristo deve dar três passos de baixo para cima. Eis aqui o mistério dos três passos e dos sete passos da Maçonaria. É uma lástima que os irmãos maçons tenham esquecido isto. Em todo caso, o Crestos, o Logos, resplandece no zênite da meia-noite espiritual.

Tanto no ocaso como no oriente, cada uma destas três posições é respeitada nas sete regiões. O místico que se guia pela estrela da meia-noite, pelo Sol Espiritual, sabe o que significam esses três passos dentro das sete regiões. Pensamos também no sol, no raio e no fogo. Eis aqui as três luminárias, os três aspectos do Logos, nas sete regiões.

Quando o uno se desdobra no dois, surge o terceiro e este é o fogo que cria e volta novamente a criar. Esse terceiro pode criar com o poder da palavra, com a palavra solar ou palavra mágica, com a palavra do Sol Central. Assim cria o Logos.

É por meio do fogo que podemos nos cristificar. Inutilmente terá nascido o Cristo em Belém se não nascer em nosso coração também. Inutilmente terá sido crucificado, morto e ressuscitado na Terra Santa se não nascer, morrer e ressuscitar também em nos.

Precisamos encarnar o Crestos Cósmico, o espírito do fogo, torná-lo carne em nós. Enquanto não o tivermos feito, estaremos mortos para as coisas do espírito porque Ele é a vida, o Logos, a Grande Palavra… Heru Pa-kroat.

Ele é Vishnu. A palavra Vishnu vem da raiz vish, que significa penetrar. Ele penetra em tudo o que é, foi e será. É preciso que penetre em nós para que nos transforme radicalmente. Somente através do Fogo conseguiremos aniquilar o Ego. Quem pretender aniquilar o Ego unicamente com o intelecto seguirá pelo caminho do erro.”

INRI e o Mistério da Cruz

A Cruz tem 4 pontas. A Cruz da Iniciação é fálica, a inserção do phalus vertical no ctéis feminino formam a Cruz. É a Cruz da Iniciação que devemos jogar sobre nossos ombros.

Devemos compreender que com suas 4 pontas simboliza os 4 Pontos Cardeais da Terra (Norte, Sul, Oriente e Ocidente). As 4 Idades (Ouro, Prata, Cobre e Ferro). As 4 Estações do ano. As 4 Fases da Luna. Os 4 Caminhos (Ciência, Filosofia, Arte e Religião). Ao falar dos 4 Caminhos devemos compreender que todos são um só, este camino é o Caminho Apertado, estreito, do Fio da Navalha, o Caminho da Revolução da Consciência.

A Cruz é o hieroglifo antigo, Alquímico, do Crisol (creuset) ao qual antes se chamava, em francês, cruzel, crucibile, croiset. Em Latim, crucibulum crisol, que tinha por raiz crux, crucis, cruz. É evidente que tudo isso nos convida à reflexão.

É no crisol onde a matéria-prima da Grande Obra sofre com infinita paciência a Paixão do Senhor. No erótico crisol da Alquimia Sexual morre o Ego e renasce a Ave Fênix entre suas próprias cinzas: INRI, In Necis Renascere Integer (Na Morte renascer intacto e puro).

A Cruz também revela a “Quadratura do Círculo”, a chave do Movimento Perpétuo. Esse Movimento Perpétuo só é possível mediante a Força Sexual do Terceiro Logos. Se a Energia do Terceiro Logos deixasse de fluir no Universo, o Movimento Perpétuo terminaria e viria el desordenamento cósmico. O Terceiro Logos organiza o vórtice fundamental de todo o Universo nascente, e o vórtice infínitesimal do Átomo Ultérrimo de qualquer criação.

Paz INveRencIal

O Poder Renovador do Mantra INRI

Sugestão de prática: Coloque à sua frente, num local confortável (pode ser seu quarto) uma vela, da cor branca ou se possível amarela. Acenda essa vela e inicie a oração, suplicando ao Cristo que reside no mais profundo de seu íntimo para que o ajude nesta prática esotérica. Sente-se à frente da vela acesa e peça ao Cristo Íntimo uma profunda mudança em sua vida.

Suplique ao Cristo para que se utilize do Fogo para que Ele Renove Incessantemente sua Natureza Interna. Suplique ao Cristo Íntimo Cura, Força, Iluminação e o Despertar da Consciência Divina em sua Alma.

Em seguida, vocalize tantas vezes quantas desejar o mantra INRI.

Prolongue cada letra, sentindo o poder desse mantra dentro de sua própria Alma, purificando, renovando e iluminando seu Caminho rumo à Iluminação.

iiiiiiiiiiiinnnnnnnnnnnnrrrrrrrrrrrriiiiiiiiiiii…

  • celia de fatima da silva

    Na pratica do mantra inri pode apagar a vela quando terminar

    • Sim,,, e acenda depois quando reiniciar o mantra…

  • O QUE o Tetragrammaton “INRI” TEM A VER COM TERRA, AR, FOGO E ÁGUA?

    A milenar palavra INRI significa “IGNIS NATURA RENOVATUR INTEGRAM”…
    “A Natureza é renovada pelo fogo”.
    Pois quando o Uno se desdobra em 2 surge o fogo que cria, destrói e volta a criar.

    Ao contrário do que os evangelhos alegam, o acrônimo “INRI” é muitíssimo anterior a personagem “Jesus Cristo”, e tem diversos e profundos significados.

    Milhares de anos antes da personagem Jesus Cristo ter sido inventada, o Tetragrammaton “INRI” já era utilizado em rituais de invocação, como talismã, como AMULETO, e como MANTRA, para “DESPERTAR” os devotos de diversas crenças.

    Os babilônicos, os egípcios, os Essênios, os Ebionitas, os Pársis, os Maias, os Astecas e os Incas, tinham acrônimos ou abreviações pronunciáveis, referentes aos 4 Elementos Astrológicos, que seriam: A ÁGUA, o FOGO, a TERRA e o AR, sendo que na língua dos alquimistas (Iam) seria a Água; (Nour) o Fogo; (Ruach) o Ar; e (Labe Shah) a parte sólida da terra.

    Uma das origens da Trindade cristã seria a mitologia de se Criar com o poder da palavra, de se criar com a palavra solar, ou criar usando “palavras mágicas”, como o “Abracadabra”.

    Na Cabala e na tradição ocidental esotérica, as letras YOD, NUM, RESCH, YOD, que, pelo alfabeto latino se traduz por INRI, eram usadas pelos adeptos da Alquimia Critica, da manipulação do Fogo sagrado que regenera os elementos naturais: Ar, Fogo, Água e Terra.

    Como os antigos seguidores da Cabalá precisaram representar o sagrado e impronunciável nome de Deus, mas sem que o “Segredo IAO” fosse velado, uma das formas foi usar o Tetragrammaton “INRI”, onde o fogo consome e purifica.

    “Tetragrammaton” é um símbolo formado por letras, representações gráficas, ou combinações que se utiliza como amuleto.

  • por onde ando vejo pessoas mutilando esse jesus, fazendo dele uma marionete. dizem q ele è reencarnacionista, gnostico,lucifer, o messias, o filho de Deus e etc…. afinal quem é esse homen?

  • Geralldo

    A maior expressão de sabedoria do Cristo é se fazer pequeno,mas tão pequeno, que cabe em qualquer lugar, cultura ou cosmo
    eis aí um verdadeiro Ebionita

  • Charles

    Este Cristo que marcou nosso calendário veio realmente a terra ou seria isso apenas uma invenção romana?
    Pelo meus entendimentos isso tudo é um plágio tremendo, O cristianismo da bíblia está perdido entre mentiras e verdades, num produto de negativos e positivos resultando é claro num todo mentiroso. Pelo entendimento Cabalístico entendemos um pouco do porquê a filosofia de Thelema é tão chocante e diferente, Também não há de se negar que o mundo caminha cada vez menos para o cristianismo e cada vez mais para o Thelema.
    Pois bem, queria uma boa justificativa a favor do continuidade das crenças cristãs nesse novo Aeon, acho que respeitar o tempo de cada um seria a coisa mais sábia a se fazer.

    • Jesus, como alto iniciado e hierofante de Mistérios do Antigo Egito, divulgou na Terra Santa a DOUTRINA DO CRISTO ÍNTIMO.
      Esse Cristo Íntimo sempre foi ensinado pelas grandes religiões, escolas, fraternidades autênticamente esotéricas.
      Toda autêntica Escola Iniciática prega a DOUTRINA DO CRISTO CÓSMICO, e o cristianismo, em seus primórdios, tinha essa virtude, a qual, infelizmente, se perdeu ao longo dos séculos.
      Já as escolas pseudoesotéricas brincam de bruxaria, feitiçaria, magia em seus mais baixos e ilusórios aspectos…

      • Charles

        Concorda então que o legado deixado pela Doutrina do Cristo Cósmico é ainda pertinente a ser realizado nesse tempo( hoje em dia)?
        E o que seriam as “escolas pseudoesotéricas”?

        • Infelizmente, a intenção de Jesus o Cristo era de divulgar em todo o Ocidente a Doutrina do Cristo Cósmico, coisa que foi adulterada pelas instituições supostamente cristãs. Essa adulteração ocorreu sistematicamente ao longo desses últimos 2 mil anos, e o que se vê nas milhares de seitas e linhas ditas cristãs muito pouco têm a ver com o que Jesus ensinou. Seus ensinos esotéricos foram perseguidos de morte!!!
          Escolas Pseudoesotéricas são aquelas que não conhecem tais “Ensinamentos Crísticos”, os mais sublimes, elevados e sagrados que se pode ensinar ao ser humano…

  • obricado pela resposta.mestre da gnosis.

  • queria que vcs tiracem uma duvida que eu tenho sobre o espiritismo.como e que eles recebem o espirito se ele ja tem o dele como eles dizem abaixou o espirito.o espirito da pessoa sai ou ele fica sendo controlado pelo espirito.e tambem quero saber se eles são mago branco ou mago negro.ok paz inverencial a todos da gnosisonline.

    • A influência da entidade egoica se dá nos corpos astral e etérico do médium. Esses corpos são “deslocados” parcialmente e a entidade assume controle de alguns, ou todos, centros da máquina humana.
      Por isso há médiuns que falam, outros que escrevem, outros que cantam, dançam etc.
      Esse “deslocamento” de parte dos corpos internos é que gera um distúrbio muito forte nos corpos astral e mental, gerando, na próxima encarnação, a doença conhecida como EPILEPSIA.

      • João Santana

        Explique melhor por favor: Todo médium praticante terá epilepsia? Jesus avisou aos discípulos que desenvolveriam dons e por eles falariam em línguas e assim proliferariam sua mensagem? Tantos outros registros marcam o mediunismo praticante, ou seja todos futuros epiléticos em novas vidas?

  • Jietsurio

    Saudações amigos que me respondem. Gostaria de saber uma coisa: Jesus foi um humano que esteve na Roda do Samsara? Ele passou pelos processos de retorno vida após vida, conseguiu seu estado crístico na guerra contra o ego, ou ele é um SER extremamente evoluído em outras dimensões cósmicas que encarnou apenas naquela época pra cumprir sua missão? O Mestre Samael, por exemplo, teve outras existências aqui na Terra. Vou estudar sobre o Cristo Jesus e queria partir desse princípio, da resposta que busco agora. Obrigado.

    • Jesus é um ser antiquíssimo, de passados Dias Cósmicos, e está na Roda do Samsara por amor às humanidades.
      Ele já é um habitante do Absoluto, mas está aqui entre nós por Amor…

      • Jietsurio

        Me desculpe, não entendi, a Roda do Samsara não é para aqueles que ainda precisam trabalhar pela consciência? Jesus teve outras vidas aqui na Terra antes daquele período? “Humanidades” indica que Ele impulsiona outras civilizações? Muito Obrigado pela paciência.

        • Roda do Samsara é um termo designando toda a Criação.
          Jesus não voltou ao Absoluto (ao Seio do Pai Celestial) e permaneceu aqui por amor à Humanidade…
          Portanto, ele se encontra dentro da Roda do Samsara, porém, dominando essa Roda, e não sendo dominado/fascinado/identificado com ela…

          • Jietsurio

            Hummm entendi. Então ele está dando uma atenção especial a nós, pois soube que ele direciona em outros planetas tbm.

  • jalila

    Gostei do quê li sobre a palavra INRI, c gnóstica n tinha idéia quanto ela é poderosa. Apartir de hoje praticarei este mantra diariamente. Paz Inverencial

  • Samuel

    INRI CRISTO.

  • AGEPATRI

    Prezados amigos!Como estudante da gnose e possivel estar numa doutrina somente para agradar alguem?Ou seja,minha namorada e adventista poderia estar acompanhando ela sem compromisso com a religiao dela ou nao interfere em alguma coisa?

    • Será que a frase de Jesus “Diz-me com quem andas e te direi quem és” vale para alguma coisa em teu exemplo???

      • AGEPATRI

        Boa noite ao Gnosis On Line!Me desculpem a ignorancia ou falta de compreensao quanto a resposta acima dada por vcs,mas sinceramente nao entendi o sentido.Se eu acompanhar minha namorada a uma congragaçao adventista que e aonde ela frequenta estarei agindo errado?e isso que querem dizer preciso entender pois nao quero transgredir com os ensinamento aqui prestados!

        • O Amor supera tudo. Se há autêntico Amor entre vocês, não se preocupe em frequentar ou deixar de frequentar este ou aquele lugar…
          O que importa é você ter bem sólido o ensinamento dos 3 FATORES DE REVOLUÇÃO DA CONSCIÊNCIA.
          Agindo assim, o teu próprio SER INTERNO o guiará para onde e com quem você deve estar, o que comer, o que vestir, onde passear, o que falar, o que escrever etc. etc.

  • João Antonio Bernardes

    Gostaria de ver explicado o símbolo acima do Pelicano Rosa Cruz Grau 18 da M:. Obrigado

    • Caro João. O Pelicano que se fere para alimentar, com o próprio sangue, seus rebentos, ou seja, o o criador alimentando sua criatura.
      O Pelicano desta imagem representa a sagrada LEI DO TROGOAUTOEGOCRÁTICO CÓSMICO COMUM. (Lei da alimentação recíproca para a manutenção do Todo.)

  • anantonio marcos de oliveira

    como a gnose de samael ve o mestre lucifer?

    • Como entidade é um Demônio, chefe de legiões de demônios “Lunares”.
      E como arquétipo, é uma expressão poderosa do Cristo Cósmico.
      Esse conceito de Lúcifer como “expressão crística do Logos Solar” é tão revolucionário que os gnósticos de todos os tempos foram perseguidos e tachados de adoradores do Demo…

  • carlos fernando

    admiro o gnosticismo explique-me porque de o proprio joão evangelista fazer criticas (todo aquele que não confessar que cristo não veio em carne é anticristo)porque veio em carne,sangue e espirito.agradeço desde já

    • Todo ser humano que encarna o “princípio cósmico” Cristo, que é uma emanação do próprio Absoluto, é chamado de Cristo. A Gnose defende que qualquer pessoa, que se trabalhe intensamente na Senda da Iniciação, pode encarnar o Cristo.
      Jesus é o maior Ser que conseguiu encarnar esses princípios, e seu superesforço foi difundir para a Humanidade justamente como encarnar o CRISTO ÍNTIMO.
      Cabe a cada um de nós realizar esse superesforço em carne própria: sugiro que estude os textos referentes ao Cristo, de autoria do VM Samael Aun Weor, no link Teologia.