quarta-feira, setembro 22, 2021

ESTADOS PSICOLÓGICOS EQUIVOCADOS

Home Fóruns ESTADOS PSICOLÓGICOS EQUIVOCADOS

  • Este tópico está vazio.
Visualizando 1 post (de 1 do total)
  • Autor
    Posts
  • #29812
    Bruno Bergkirchner
    Participante

    Queridos amigos do Fórum, analisando o capítulo 9, “Acontecimentos Pessoais”, da Obra do Mestre Samael intitulada TRATADO DE PSICOLOGIA REVOLUCIONÁRIA, me deparei com interessantes ensinamentos.

    Meditando sobre o conteúdo deste capítulo, achei deveras interessante a expressão “ESTADOS PSICOLÓGICOS EQUIVOCADOS”. Vejamos as lições que o estudo dessa simples expressão encerra.

    Vale dizer que quando não estamos em paz com nossa Consciência, quando não estamos com aquela serenidade interior, mesclada com uma leve sensação de contentamento íntimo, vivendo de instante a instante, estamos em algum estado psicológico equivocado. O bom é que podemos corrigi-los. Como? Veremos mais a frente.

    Primeiro vamos buscar enumerar alguns dos estados equivocados mais comuns, que tem suas raízes na atuação dos egos. Estamos em um estado equivocado quando…

    1 – …esquecemos de viver o presente

    – Fazer diversas coisas sem a concentração e cuidado devidos;
    – Ficar vegetando, em estado de sonho;
    – Olvidar nosso Real Ser e deixar de lado a Meditação com a chave SOL – sujeito, objeto, lugar.

    2 – …levamos tudo para o lado pessoal

    – Não perdoar;
    – Não saber evitar uma discussão;
    – Revidar uma ofensa ou agressão recebida (aqui vale ressaltar que não é deixar de se defender quando atacado, tenhamos discernimento rs);
    – Ficar de “cara amarrada” durante um evento ou diante de determinada situação por simples birra;
    – Tomar a dor dos outros e querer fazer justiça com as próprias mãos.

    3 – …pensamos ou falamos negativamente

    – Termos receio de que alguma coisa ruim vai acontecer com alguém só porque não está conosco fisicamente falando. Mães e Pais principalmente, não deixemos que o nosso medo seja maior que a nossa Fé! Se orarmos por aqueles que amamos, um “simples” ‘ vá com Deus!’ dará a proteção necessária a nossos amigos e entes queridos. Não duvidemos do Poder Divino.
    – Pela simples lembrança ou menção do nome de alguém com quem não temos afinidade em uma conversa, começamos a falar mal dessa pessoa, reclamando dela, fazendo piadas sobre ela e dizendo que ela é isso e aquilo.. (eu da maledicência)

    4 – …ficamos ansiosos sem saber o que fazer

    – Procurarmos alguma coisa pra comer quando não se tem nada pra fazer e nem mesmo se está com fome. (eu da gula. Ocupemos bem o nosso tempo com práticas gnósticas, leituras elevadas, músicas que auxiliam no despertar da Conciência, ajudando a quem precisa com meios materiais sem esquecer do imprescindível socorro da alma, que se manifesta na oferta do conhecimento espiritual através de livros, falando da importância da oração, da presença de Deus em nossa vida, etc…).

    5 – …enchemos a paciência de alguém

    – Encher a paciência de alguém por estar entediado (eu da implicância)
    – Aprendemos com os Mestres que encheção de paciência é carência, portanto, se alguém estiver te apurrinhando, dê um abraço bem forte, bem carinhoso e bem fraterno nessa pessoa e aí ela vai parar de te chatear! rsrsrs Esse vale a pena testar, já o comprovei!! Não esqueçamos do discernimento e do bom senso hein? rsrsrs. Cada caso é um caso! rs
    Esta colocação acima vai ao encontro da afirmação do Mestre Samael quando diz: “situações exteriores destrutivas podem se converter em inofensivas e até construtivas, mediante a inteligente correção dos estados interiores errôneos”.

    6 – …não tratamos bem os outros

    – Estar ocupado em determinada tarefa ou afazer e quando alguém interrompe, sair do estado de serenidade que se encontrava e ser grosseiro com o outro.

    7 – …deixamo-nos cair nas garras do ego por simples falta de vontade de combatê-lo (Thelema é nossa divisa)

    – Assistir a programas e filmes que alimentam nossos egos, especialmente o da preguiça e da luxúria (Particularmente acredito que a TV, assim como o computador aumentam demais a nossa preguiça! rsrsrs É claro que não sou contra a tecnologia, senão nem estaríamos aqui no Fórum rs, mas como ensinam os gregos, In medio virtus: A virtude está no meio).

    8 – …deixamos as coisas pra depois

    Esse é aquele estado em que as pessoas dizem:
    “Depois do Natal vou começar minha dieta!” ,
    “Em 2011 vou me dedicar mais ao trabalho interno…”,
    “A partir de semana que vem vou começar a ler os livros gnósticos…”, “Quando tiver dinheiro eu farei caridade…”,
    “Quando tiver um quarto só pra mim vou meditar…”.

    Isso tudo na verdade são desculpas que o ego da preguiça arranja para não Despertar. Isso é perder tempo. O que importa é o que fazemos agora, pois o depois e o amanhã não existem.

    Esse eu da preguiça se junta ao eu farisaico visando atacar a todos os estudantes gnósticos para que fiquem só na aquisição de teoria, na absorção de cultura livresca, se esquecendo do essencial, do mais importante, que são as práticas gnósticas, especialmente a da transmutação sexual. (Ham-Sah, Pranayama, Orações, Meditação da Morte do Ego, Mantralização, Conjurações, etc…) Diz com justa razão Goethe que “toda teoria é cinza e só é verde a árvore de dourados frutos que é a vida”.

    9 – …ficamos pensando no que poderíamos ter dito ou feito em determinada situação ou divagando sobre o futuro

    – Reviver comédias e tragédias ou ficar imaginando o que diremos ou faremos daqui a tanto tempo. Esse estado equivocado também se enquadra no eu vegetativo, porém, fiz questão de destacá-lo separadamente para que o identifiquemos através da auto-observação e corrijamos este estado voltando ao momento presente.

    Das soluções para correção dos estados psicológicos equivocados:

    Há uma pesquisa realizada por psicólogos que afirma que o Ser Humano vive 75% no passado, 20% no futuro e 5% no presente. Triste realidade não?

    Mas nós gnósticos, erguemos diariamente a bandeira da auto-observação e como vigia em tempo de guerra, vivendo de instante a instante e não nos identificando com as tragédias e comédias da vida, vamos observando estes agregados psíquicos, impedindo a manifestação deles através da Morte em Marcha (Suplicando à Mãe Divina que elimine tal defeito).

    Somente com a plena auto-observação vamos descobrir os estados psicológicos equivocados.

    Dessa forma o ego não se manifestará e poderemos trabalhar por sua eliminação dia a dia através da Meditaçao da Morte do Eu. (Vide 22 passos para a morte do ego http://www.4shared.com/document/8ZaUKp_1/Os_22_Passos_Para_a_Morte_do_E.htm )

    Se deixarmos de praticar a transmutação, o Ego da luxúria acabará por nos vencer. Tomemos CONSCIÊNCIA disso!
    Portanto nobres irmãos, deixemos de ser vítimas das circunstâncias, vamos procurar corrigir estes estados psicológicos equivocados nos purificando intimamente, observando estes estados íntimos errôneos e corrijindo-os através da morte do ego, transformando as impressões e não nos identificando com os estados interiores negativos.

    Vamos desde já por ordem em nossa casa interior, como nos ensina a Santa Gnose!

    Ninguém pode servir a dois senhores (ou escolhemos a Mãe Divina ou o Ego) e não se pode ficar com um pé na porta estreita e outro na porta larga. Definamo-nos pelo que há de melhor no Universo! Nosso Ser Interno!

    Pra longe de nós as lamentações, a culpa, que é um defeito (a virtude que se opõe a este defeito é a do arrependimento), as discussões estéreis, as brigas por motivos tão mesquinhos, os egos inflados, o passado errante e o farisaísmo. Sejamos práticos no BEM! Perdoemos a nós mesmos!

    Não adianta mudar de casa, de país, de emprego, de nome, de roupa, de mercado que continuaremos do mesmo jeito! O que importa é a MUDANÇA INTERIOR!!! Lembremos de que o exterior é o reflexo do interior.

    O Mestre Samael nos diz que quem muda interiormente, origina uma nova ordem das coisas. Diz mais o nosso querido Mestre: “Os eventos exteriores jamais seriam tão importantes como o modo de reagir sobre os mesmos”.

    E fecha com chave de ouro: “A MELHOR ARMA QUE UM HOMEM PODE USAR NA VIDA É UM ESTADO PSICOLÓGICO CORRETO.”

    Vale ou não vale lutar pelo Bem que existe neste mundo?

    Quem puder contribuir com o tópico, seja com vivências ou com ensinamentos ou ainda com máximas gnósticas que aprofundem ainda mais o debate sobre o tema, agradeço desde já.

    Que a Paz Divina esteja sempre no coração de cada um de vocês.

    Um fraterno abraço a todos e um FELIZ NATAL PERMANENTE COM JESUS!

    Bruno

    “É na vossa perseverança que salvareis as vossas Almas” Jesus, o Mais Alto Iniciado Solar dos Cosmos

Visualizando 1 post (de 1 do total)
  • Você deve fazer login para responder a este tópico.