quarta-feira, setembro 22, 2021

Neurociência e Transmutação Sexual

Home Fóruns Neurociência e Transmutação Sexual

  • Este tópico está vazio.
Visualizando 1 post (de 1 do total)
  • Autor
    Posts
  • #29951
    imported_Giordano
    Participante

    Olá amigos,

    Transcrevo aqui o conteúdo compartilhado pelo irmão Douglas Remonatto, da AGEACAC Portugal, a respeito das recentes descobertas da Neurociência acerca da sexualidade humana, e que são de grande interesse para quem esteja trabalhando diretamente na difusão dos ensinamentos de Samael Aun Weor.

    Abaixo do texto segue o link pra um vídeo no youtube (não consegui incorporar aqui no fórum) da Dr. Marnia Robinson falando sobre o tema. Está legendado em PT.

    Caso alguém desejar o livro dela em inglês (pdf), entre em contato comigo e eu envio.

    Segue o texto:

    A afirmação da Dr. Marnia Robinson encontra respaldo em estudos científicos que analisaram a relação entre comportamento sexual, neuroquímica e a harmonia relacionamento.

    Segundo as pesquisas, 80 regiões diferentes do cérebro alcançam seu nível de atividade máxima durante o orgasmo. Essa superestimulação dos receptores do prazer pode levar a uma desensibilização do cérebro ou a desejo ter “sempre mais”.

    Além disso, os cientistas descobriram que o único outro evento que afeta o cérebro de uma maneira tão forte é um ataque epiléptico.

    Robinson explicou que antes do sexo os níveis de dopamina, hormônio que causa sensação de prazer, sobem a níveis altos e caem bruscamente depois do orgasmo, criando uma “ressaca bioquímica”.

    Nos homens, esta ressaca acontece quase imediatamente após a ejaculação, enquanto nas mulheres o cérebro pode demorar até duas semanas para retornar ao seu equilíbrio.

    “Mesmo naqueles como a libido mais alta, o desempenho pode se tornar mecânico e direcionar uma busca por novidades”, afirmou a escritora.

    “Estes sentimentos, embora perfeitamente naturais, podem criar expectativas e ressentimentos que causam desentendimentos, especialmente depois que nossa ‘lua de mel neuroquímica’ sai de cena.”

    Vídeo: http://www.youtube.com/watch?v=Ur_Le8KMipo

Visualizando 1 post (de 1 do total)
  • Você deve fazer login para responder a este tópico.