terça-feira, setembro 28, 2021

BARDO THÖDOL – O Livro Tibetano dos Mortos

Home Fóruns BARDO THÖDOL – O Livro Tibetano dos Mortos

  • Este tópico está vazio.
Visualizando 1 post (de 1 do total)
  • Autor
    Posts
  • #29163
    imported_Ali
    Participante

    Nas últimas semanas de vida do mestre Samael, ou seja, pouco antes de Ele desencarnar em 1977, o mestre Samael tinha a companhia direta de seu secretário, Fernando Salazar Bañol.

    O Mestre Samael fazia o missionário Salazar Bañol ler todos os dias trechos dessa obra, escrita por Padma Sambhava, o Maha Guru…

    Livro de cabeceira dos últimos dias do mestre Samael, é uma obra que todos devemos ter em casa, ler, refletir e meditar sobre o conteúdo de cada parágrafo, cada ensinamento, cada mantra e cada etapa em que o desencarnado passa em sua nova vida “além vida”.

    Ensinou Padma Sambhava que o defunto não deve ser incomodado durante três dias e meio após a sua morte. Isso se dá porque nesse período que o defunto realiza a famosa GRANDE RETROSPECTIVA. O defunto rememora todos os seus atos, visita absolutamente TODOS os lugares e pessoas com quem se relacionou e isso vai sendo computado em sua consciência por duas de suas Partes do Ser: os 2 Anjos anotadores, ou o Anjo Bom e o Anjo Mau do Livro da Vida…

    Após terminada essa Retrospectiva psíquica, o defunto cai como em um estado de torpor e depois inconsciência, fazendo com que ele fique flutuando na atmosfera astral até que ele encarne novamente.

    Se o indivíduo realizou trabalhos de despertar da Consciência durante sua vida, na morte isso terá um grande valor, pois ele irá adquirir um grande grau de consciência, não ficanco no tão fatídico estado de torpor seguido de inconsciência…

    A Morte é a Coroa de Todos… Mas devemos estar preparados para receber essa Coroa…

    (Cont.)

Visualizando 1 post (de 1 do total)
  • Você deve fazer login para responder a este tópico.