A busca da Verdade e a educação

A busca da Verdade e a educação

- emEducação Integral
2494
4

A via-crúcis da nossa miserável existência começa na infância e na juventude, com muitas torções mentais, tragédias íntimas em família, contrariedades no lar e na escola etc.

É claro que, na infância e na juventude, salvo raras exceções, todos estes problemas não chegam a nos afetar de forma realmente profunda; porém, quando nos tornamos pessoas adultas, começam as interrogações: quem sou? De onde venho? Por que tenho de sofrer? Qual é o objetivo desta existência? Etc. etc. etc.

No caminho da vida, todos nós fizemos estas perguntas. Todos nós alguma vez quisemos investigar, inquirir ou conhecer o porquê de tantas amarguras, dissabores, lutas e sofrimentos, mas infelizmente sempre terminamos engarrafados em alguma teoria, em alguma opinião, em alguma crença, no que nos falou o vizinho, no que nos respondeu algum velho decrépito etc.

Perdemos a verdadeira inocência e a paz do coração tranquilo. Por isso, não somos capazes de experimentar diretamente a verdade em sua forma mais crua. Dependemos do que os outros dizem e é claro que vamos pelo caminho equivocado.

A sociedade capitalista condena radicalmente os ateus, os que não creem em Deus.

A sociedade marxista-leninista condena os que acreditam em Deus. Mas, no fundo, as duas são a mesma coisa, questão de opiniões, caprichos das pessoas, projeções da mente. Nem a credulidade, nem a incredulidade, nem o ceticismo significam haver experimentado a Verdade.

verdade1

A mente pode se dar ao luxo de acreditar, duvidar, opinar, fazer conjecturas etc., mas isso não é experimentar a Verdade.

Também podemos nos dar ao luxo de crer no sol, ou de não crer nele, e até de duvidar dele, mas o astro rei seguirá dando luz e vida a todo o existente, sem que nossas opiniões tenham a menor importância para ele.

Por trás da crença cega, por trás da incredulidade e do ceticismo, escondem-se muitos matizes de falsa moral e muitos conceitos equivocados de falsa respeitabilidade à cuja sombra o Eu se fortalece.

A sociedade capitalista e a sociedade comunista têm, cada uma ao seu modo e de acordo com seus caprichos, preconceitos e teorias, seu tipo especial de moral.

O que é moral dentro do bloco capitalista é imoral dentro do bloco comunista e vice-versa.

A moral depende dos costumes, do lugar e da época. O que num país é moral em outro é imoral, e o que em uma época foi moral em outra época é imoral. A moral não tem valor essencial algum. Analisada a fundo, vê-se que é cem por cento estúpida.

A Educação Fundamental não ensina moral. A Educação Fundamental ensina uma ética revolucionária e é disso de que necessitam as novas gerações.

Desde a noite aterradora dos séculos, em todos os tempos, sempre houve homens que se afastaram do mundo para buscar a Verdade.

É absurdo afastar-se do mundo para buscar a Verdade porque ela se encontra dentro do mundo e dentro do homem, aqui e agora.

A Verdade é o desconhecido de momento a momento, e não é separando-nos do mundo nem abandonando nossos semelhantes como poderemos descobri-la.

É absurdo dizer que toda Verdade é meia verdade, ou que toda verdade é meio erro.

A Verdade é radical. Ela é ou não é. Ela jamais pode ser pela metade, jamais pode ser meio erro.

verdade2

E absurdo dizer que a Verdade é do tempo e o que em um tempo foi, em outro tempo não o é.

A Verdade nada tem que ver com o tempo. A Verdade é atemporal. O Eu é do tempo, e, por isso, não pode conhecer a Verdade.

É absurdo supor verdades convencionais, temporais ou relativas. As pessoas confundem os conceitos e opiniões com isso que é a Verdade.

A Verdade nada tem que ver com as opiniões, nem com as assim chamadas verdades convencionais, porque estas são unicamente projeções intranscendentes da mente.

A Verdade é o desconhecido de momento a momento, e só pode ser experimentada na ausência do Eu Psicológico.

A Verdade não é questão de sofismas, conceitos ou opiniões. A Verdade só pode ser conhecida através da experiência direta.

A mente só pode opinar e as opiniões nada têm a ver com a Verdade. A mente jamais pode conceber a Verdade.

Os professores e professoras de escolas, colégios e universidades devem experimentar a Verdade e apontar o caminho aos seus discípulos e discípulas.

A Verdade é questão de experiência direta, e não questão de teorias, opiniões ou conceitos.

Podemos e devemos estudar, mas é urgente experimentar, por nós mesmos e de for

ma direta, o que há de verdade em cada teoria, conceito, opinião etc. etc.

verdade3

Devemos estudar, analisar, inquirir, mas também precisamos, com urgência improrrogável, experimentar a Verdade contida em tudo aquilo que estudamos.

É impossível experimentar a Verdade enquanto a mente se encontra agitada, convulsionada ou atormentada por opiniões contraditórias.

Só é possível se experimentar a Verdade quando a mente está quieta, quando a mente está em silêncio.

Os professores e professoras de escolas, colégios e universidades devem ensinar a alunos e alunas o caminho da meditação interior profunda.

O caminho da meditação interior profunda nos conduz até a quietude e silêncio da mente.

Quando a mente está quieta, vazia de pensamentos, desejos, opiniões etc., quando a mente está em silêncio, advém a nós a Verdade.

Samael Aun Weor, Educação Fundamental

4 Comments

  1. Este realmente é um tema complicado rss chamado ” a verdade” naquele quarteirão souberam que há um veículo capotado: é verdade? um número de pessoas caminham para o local e realmente comprovam: ” o fusca capotou e houve um sobrevivente, o único que estava dentro do mesmo, graças a Deus saiu ileso” lógico, estamos todos vivendo neste mundo fenomenal, possuímos todos os seres humanos, terrestres os mesmos 5 sentidos, compondo a dimensâo material denominada “corpo”, que os espíritas chamam de “aparelho”.Agora se uma determinada pessoa que estava no local do acidente, sair de lá e dizer: o condutor do veículo morreu!! ele estará distorcendo a verdade!!e o novo receptor do caso, poderá distorcer mais ainda!!Agora o que é um dogma??”uma ideologia,considerada um ponto fundamental ou indiscutível” ou seja, você pode acreditar ou não!! interessante!! e a vida após a morte? na morte sua parte energètica sai do corpo e vai pra outra dimensão ou planeta? ou fica dormindo aguardando o bendito “Juizo Final” este verdade real só pode ser elucidada quando nós realmente morrermos aqui!! concordam? alguém ente querido já veio dizer o que ocorre na “VERDADE”?? concordo parcialmente com Samael, talvez a mente em silencio diga isso…mas em qual plano???? e uma mente sem substância?? volta ao grande cerebro?? ao vácuo?? uma mente sem substância não é n a d a !!!pode ser um sopro!!uma substância desconhecida rsss interessante!!! só a evolução vai nos ensinar!!

  2. um exemplo de q os valores que da sutentaçao a essa humanidade e muito fragil.

    se todas as pessoas se encotrasse em um evento cataclimico,onde acabria todas forma de sobrevivencia humana,rapidamente,todo codico maral e etico de hoje deixaria de exisiti.

    veriamos a verdadeira face do homem de hoje,do mais rico ao mais pobre,do mais intelectual ao mais ingnorante.

    ja se essa sociedade fosse fudamentlizada nos valores reias da consciencia ela saberia como sair das mais diversas cisrcustancia em grupos em uniao´porqe a consicia e sustentada por as colunas do amor, esse ultimo e o nome de deus entre o homem.

  3. axiste um “PONTO EXATO ONDE FIXA TODAS AS VERDADES”
    mas quero mesmo e falar da palavra moral,ja q nos ultimos dias venho analisando esse asunto,pra entender melhor o comportamento humano.

    como falei antes,tudo isso q se da as diretrizes comportamental do ser humano,criando um vinculo social e coletivo,dando as condiçoes de sobrevivencia em grupos,socializando com as leis e as culturas,sao valores colocados por via de parametros culturais.

    podemos dizer q valoes reias sao extruturas universais perene,imutavel,independente de realidades circustancial humana.

    um valor da consciencia ja mais e corruptivel,ja mais e coplacente a erros.

    por tanto,podemos afirmar que em uma escala de cosnciencia maior,teriamos valores e principios mais justo,mais reias.

    fico pensando com migo mesmo,a terra esta super popularizada,teremos q diminuir essa super populaçao.

    o q vc q e cheio de moral e etica,diria,se derrepende deus decidisse eliminar metade de toda a humanidade,para q a terra possa recompor suas condiçoes naturais

    que os movimentos divinos fizesse q a propria humanidade se exterminasse,uma pessoa q nao conhece a verdade nao copreenderia,se revoltaria com deus,se confundiria,mas a verdade esta alem,de condigo moral e etico,porque esta fundamentado nos valores universal e cosmicos.

  4. e bem pertinente e oportuno esse tema q cita a palavra”MORAL”

    gostaria de comentar essa palavra,ja q a verdade todos sabem q e algo bem particular, e relativo.

    independenete do q cremos e ceitamos,carregamos uma verdades dentro de nos q imutal,independente do mundo circustancial.

    essa verdade e deus,e nossas parte cosnciente de nosso ser,mais cedo ou mais tarde,inevitavelemente vamos ter q despertar no ceio de nosso pai.

    por tanto,la no fundo o q vc acredita ou deixa de acreditar são apenas valores,q conrresponde a uma realidade presa a esse mundo.

    por fim,acreditamos,q as realidades sao colunas de sustentaçao que estao presas a muitas outas coisas.quando se refere ao ser humano,as realidades esta presos a suas sobrevivencia,a seus anceios,ao seus egos.sua evoluçao seu planeta,sua sociedade,sua cultura sua etica, tudo isso pode ter um valor,mas e perecivel e insufucuente quando falamos de auto realizaçao.

    e obvio q existem realidades alem das questoes humana
    entende-la e ver sua dinamica e seus principios elevaria a forma de se ver a verdade sobre tudo.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Confira também

Finalidade das conjurações

As Conjurações Esotéricas têm várias finalidades: 1. Limpar