Depressão e tristeza

Home Fóruns Esoterismo em Geral Depressão e tristeza

Este tópico contém respostas, possui 5 vozes e foi atualizado pela última vez por  Fernanda 1 ano, 3 meses atrás.

Visualizando 6 posts - 1 até 6 (de 6 do total)
  • Autor
    Posts
  • #29850

    mateus360
    Membro

    Oi pessoal! Gostaria de saber, o que é aconselhavel fazer quando nos sentimos assim deprimidos, se existe alguma magia elemental, oração, mantram ou algo específico à isso.
    Tenho muitos altos e baixos, não costumo me deprimir com frequencia, mas quando acontece é uma dor horrível, enfim.
    Muito obrigado!
    Paz a todos

    #34454

    Amigo Mateus, longo é o assunto que voce abre no topico. Vamos sintetizar então assim:
    1º qual a causa? pois voce citou a consequencia e não a causa
    2º comprendida a causa, usar o remedio certo.

    Qual a causa de sua depressão? Somente atravez do “mergulho” interno é possivel chegar a causa. Atravez pois da meditação. Citamos algumas:
    Pode ser o ego (no caso a causa mais provavel) que esteja deprimido por algum motivo desta ou de outra vida. Dai o remedio é a morte mistica.

    Agora se a causa é a magoa ou seja má-agua que circula em seu corpo que é formado por 75% de agua, entao o remedio e “limpar” essa agua. Toda magoa é uma agua ruim que circula em nosso organismo, e a parte astral dessa agua esta contaminada ou suja. Então tens que fazer a magia elemental da Rainha das Aguas (mãe divina), pegando agua limpa e consagrando-a em oração a mãe divina para que com aquela agua limpa lave a agua contaminada, isso é um remedio que se nescessita conhecer a alta magia dos 4 elementos, no caso a agua.

    Outra causa que cito é a falta da energia do “animo”, que é onde eu mesmo as vezes sinto. Nosso ânimo, ou vontade de viver, alegria são tudo energias de “alto astral” e de fato ficam armazenadas nas baterias vitais de nossos corpos, se essa energia se esgota, ficamos em depressão, sem vontade de viver e ate isso alimenta o ego do suicidio. Remedio: existem dezenas de praticas e exercicios, chas, florais, etc que revitalizam a energia do animo. O fato de andar num bosque de eucaliptos ja recarrega o corpo astral, pela força vital desta planta. Praticas da oração do Logos Solar, meditação, pranaiamas, viparita mudra, todas ajudam a restabelecer a energia da vontade e do animo.

    Mas se o caso é daquela sensação esmagadora e terrivel que invade nossos corpos ai tens que usar magias de “grosso calibre”. Cadeias de força e cura, astroteurgia, ou trabalhos com plantas de poder, são as maneiras que conheço para tal “enfermidade”.

    devido a ser extenso o assunto alem de delicado, ficamos por esse resumo, se puder especificar que tipo é o problema, talvez podemos ser mais certeiros em qualquer recomendação.

    #34453

    Aproveitando o gancho, comentamos então mais alguns detalhes sobre o caso.

    Geralmente ate onde eu sei, a falta da “conexão” com a FONTE SUPERIOR de energia do cosmo,que o nosso Pai Celestial, é a causa de muitos problemas (senão que todos) de nossa humanidade. A energia vinda do cosmos que entra pelo chacra coronario desce para o coração onde se mescla no santo oito com as energias vindas do centro de nossa mãe Terra – Gaea – (não é a energia nociva dos infernos, apesar de esta tambem influenciar, me refiro a energia santa e pura do coração da Terra, que esta alem do alcance dos infernos)e esta sintonizada pelo chacra basico que a rebece pela conexao da planta dos pés (raizes energeticas). Uma vez feita a conexão as duas energias se unem no cardias onde são admistradas pelo atomo do Cristo Cosmico em nós (atomo Nous). Toda a energia de animo, alegria, cura, sensibilidade, etc, que o ser humano nescessita para viver neste mundo provem desta alquimia das duas forças.

    Ha maneiras secundarias de conseguir essa energias de vida, atraves do refinamento da enegia dos alimentos, sintonização por outros chacras, luz solar, etc. Porem como o ser humano esta perdendo essa conexão, então advem disturbios de todo tipo, oque tenta remediar geralmente com medicamentos de farmacia.
    Todas as praticas de esoterismo verdadeiro servem para tambem refazer essa ligação, ou seja, religação, que significa religião.
    O bom gnostico usa de todos seus recursos e conhecimentos para refazer essa ligação, desde os primeiros passos do trabalho dos 3 fatores ate a união completa com o Ser (3 montanha).

    Dependendo do grau que ativamos ou bloqueamos essas conexoes, é que temos o reflexo em nossa vida. O grau de conexão com nosso Deus interno é que pode fazer a diferneça entre a saude e doença, alegria e tristeza, riqueza e pobreza, e ate…entre a vida e a morte.
    Cada religiaõ ou grupo esoterico tem a sua maneira de se reconectar ou se afastar (magia negra) de Deus.
    Achar a melhor maneira individual de conseguir essa conexao é a função de cada um, sabendo que se um metodo serve pra um, pode nao servir para o outro. A semelhança entre ideias éque formam as religiões, no entanto nunhuma religião ou grupo é dona da verdade da salvação.

    Portanto amigos, não importa o quão longe é o caminho, o importante é dar o primeiro passo e seguir firme.

    #34452

    Pequeno
    Membro

    Olá Mateus!

    O V.M. Huiracocha escreveu sobre o Biorritmo. Que nós temos altos e baixos. Em seu livro “Biorritmo”, ele esclarece melhor isso.
    Nossa mente (ou parte espiritual, como ele diz) tem um ritmo de 33 dias. Seriam 16 dias e meio em alta e 16 dias e meio em baixa.
    Para saber quando estamos assim, precisaríamos fazer um cálculo que ele ensina, baseado em nosso nascimento.
    Tem que ver se isso não influi nesse estado pelo qual você passa. Nossa mente passa por esse ritmo.

    Outra coisa é o chamado “inferno astral”… Pelo qual podemos passar 52 dias antes de nosso aniversário, por estarmos sendo regidos por Saturno, o planeta que rege a morte…

    Também quando nosso sangue está cheio de toxinas, pode chegar ao coração e trazer certos estados, como aborrecimentos, tristezas… É preciso fazer depurações. Para isso existem plantas como: jacandará-mimoso, cavalinha, raiz de pita, salsaparrilha… O abacaxi ajuda também. Principalmente fazer um jejum de 1 dia, comendo só abacaxi. No caso das plantas, 20 gramas de planta por litro de água. Tomar 3 copos diários, o primeiro em jejum de manhã. Devemos depurar constante nosso sangue.

    Existe tratamento para curar a pena moral:
    Tomar por 30 dias, 3 porções diárias de água, a qual se terá colocado previamente ao Sol com 3 flores de rosas frescas de qualquer cor.
    Tomar 3 copos diários de suco de uva (natural).
    Tomar 3 copos diários de cozimento de Valeriana, Manjerona e folhas de laranja.
    Há um ritual com a babosa: Abençoa-a, e orar a seu Ser para que através de seu intercessor elemental, ordene ao elemental da babosa te cobrir de paz e harmonia. Fazer isso por 7 dias.
    Tomar 3 banhos (corpo todo) de cozimento de rosas, canela e folhas de menta. Um banho a cada 5 dias.
    Ouvir música clássica, meditar diariamente, contemplar as paisagens naturais e ler os Evangelhos Cristãos.

    O que puder fazer ajuda.
    Mais uma colaborção ao tópico.

    #42710

    Anônimo

    Outrora muitos homens lutavam por liberdade e honra um princípio da consciência, e hoje porque lutamos?Para continuar a servir uma pátria?Um governo?Um idealismo?A sobreviver em uma selva de desejos e projetos loucos?

    Diz a frase” o mundo e um lugar perigoso para os que quer viver a verdade”Existem pessoas que sobre tudo são feliz com a mentira e não aceita a verdade em seu mundo falso”.por isso cai na depressão,e na angustia,por falta de verdades.

    não são felizes no estado que vive, ela já não se da o luxo de questionar nada, ela e levada e manipulada por situações que vem, e que vai, se conforma com tudo que o da o sustento, e mantenha suas sensações primaria e básicos de sobrevivência humana.

    O homem ainda e prematuro não reconhece seu papel na criação só pensa em sua sobrevivência e permanência na existência.por isso são infelizes.
    Ainda se comportam como um ser involutivo, passa uma boa parte de sua vida com preocupações banal só se preocupa o que vai fazer para existir ou sobreviver e estão condicionados por impulsos coletivos estão presas, e não sabe sair destas realidades.

    E como que se faltasse para alguém que vive livre, de uma prisão, e dissemos a ela que existe uma coisa chamada prisão. Ela nunca ia saber o que viver presa sem que vivenciar antes.

    Assim e homem não sabe o que e ser livre, no mais completo da palavra ele pensam que ser livre para falar o que quiser, cometer todos tipo de ações, e não ser repreendido ,poder realizar seus desejos sem que o impeça a lei.mais isso não e ser livre.

    o que diria aqueles que estão sobre feitos deste poder”liberdade”os deuses do campos alísios ou lúcifer pelas as linhas da dualidade.
    para os deuses ser livre e estar sobre os raios que sustentam todas as verdade do principio ao fim,para lúcifer e ser o próprio raio manifestado em todos os princípios.

    A FELICIDADE E UM ESTADO DE ESPIRITO,AS DEPRESSÕES SÃO ESTADOS FRUSTRADOS DO EGO.

    #45692

    Fernanda
    Participante

    Pode-se usar a Magia Elemental das Rosas, conforme ensina o V.M Samael Aun Weor:

    As enfermidades morais só se curam com a magia das rosas. Aquelas pobres almas que tenham alguma pena moral muito profunda, que se curem com a magia das rosas. A rosa é a rainha das flores. A rosa está influenciada por Vénus, a estrela do amor, o astro da manhã. Nesse astro vive um grande Mestre inefável, este Mestre se chama o Mestre LLANOS*.
    O Chela que queira visitar a estrela da manhã em seu corpo Astral, operará na seguinte forma:
    Se acostará com o corpo bem relaxado, se adormecerá um pouquinho pronunciando com o pensamento a seguinte pregação:
    Lhanos… Lhanos… Lhanos… Ajuda-me, Lha… ma… dor… Lha… ma… dor… Lha… nos… Lha… nos… Lha… nos…
    E quando já o discípulo se encontre dormitando, sente-se suavemente em seu leito, arroje a manta com que se encontre coberto, e saia de seu leito. Já de pé no solo, brinque com a intenção de ficar flutuando no ar, e se flutua, saia-se de sua casa flutuando na atmosfera, e pronunciando a invocação ao Mestre Llanos, tal como o estava pronunciando na cama.
    O Mestre LHANOS é um habitante do planeta Vênus, e ele ouvirá a chamada do invocador, e o ajudará para que chegue a Vénus, a estrela das rosas, o astro da manhã. Ao chegar a Vénus, o discípulo será recebido pelo Mestre LHANOS, e se deseja sabedoria, o Mestre lhe iluminará. O discípulo ficarádeslumbrado com os resplendores inefáveis que brotam da aura e da túnica de diamantes do Mestre LHANOS. Este Mestre já se uniu com o “Glorian”, e por isso usa túnica de diamante.
    Na hora de Vênus, a atmosfera astral se enche de luz rosada, cheia de beleza inefável.
    Em certa ocasião me disse um Guru o seguinte: “Esta é uma hora muito perigosa para o desprendimento, filho meu, o mundo está todo cheio de uma luz rosada…”
    O Mestre tinha razão, porque se bem é certo que na hora de Vênus o raio positivo dessa estrela enche tudo de luz, música e amor, também é muito certo e muito real que o raio negativo de Lúcifer-Vênus é o raio do mago negro Lúcifer e de todos os lucíferes e Iniciados tenebrosos do caldeirão de cobre. Mas se o discípulo vive uma vida pura e casta, nada terá a temer dos magos das trevas.
    Afortunadamente, Lúcifer e os lucíferes já caíram no Abismo…
    A chave que aqui damos para viajar em corpo astral à estrela de Vênus, eu, SAMAEL AUN WEOR, a recebi da grande Iniciada egípcia MARIA, mãe de Jesus de Nazaré.
    elemental-rosaDizem as tradições que Maria fazia almofadas para o templo de Jerusalém, e que esses travesseiros se transformavam em rosas. As linhas das mãos de MARIA, a mãe de Jesus, nos dizem claramente que em sua primeira juventude teve um rico enamorado que ela não quis aceitar, pois seu único anelo era ser sacerdotisa da luz.
    Sofreu Maria muito com o acontecimento do Divino Rabi de Galileia, e só teve um esposo que foi o Iniciado José, e um só filho, que foi o Divino Mestre.
    Era, pois, Maria uma autêntica sacerdotisa gnóstica, pura e santa. Seu rosto era moreno, pelo sol do deserto; seu corpo fino e ágil; sua estatura pequena; seu nariz ligeiramente pequeno, e o lábio superior algo saliente.
    Vestia-se a Mestra humildemente; durante os primeiros anos de sua vida teve comodidades, mais tarde sua vida foi muito pobre. Usava túnica de cor café, já desvanecida e remendada, pois vivia na indigência. Seu vida santa cumpriu a missão mais grandiosa que se pode conferir a um ser humano.
    Agora está novamente reencarnada a insigne Mestra no Vale do Nilo. Nesta ocasião nasceu com corpo masculino e esta grande alma veio cumprir uma grande missão mundial.

    PARA SE CURAR DA PENA MORAL

    Fórmula mágica das rosas

    Sobre uma mesa se põem três vasos [copos] de cristal cheios de água pura, e em cada vaso uma rosa. Estes vasos se colocarão formando triângulo, ao Norte, Oriente e Ocidente. Cada vaso deverá ser benzido pelo mesmo interessado, e este tomará três vasos diários desta água de rosas, na seguinte ordem: Antes do desjejum, o vaso do Oriente; antes do almoço, o vaso do Norte; e antes do jantar, o vaso do Ocidente.
    Este tratamento deverá ir acompanhado de uma súplica sincera ao Íntimo e à Fraternidade Branca, para que lhe ajudem a sair da dor moral em que se encontra. Com esta fórmula suportar por vários dias, se curará qualquer “pena moral”, por grave que seja.
    Quando e em que época falou algum médico sobre os sofrimentos de índole moral?
    Quantas pessoas morrem diariamente e se adoentam à causa de sofrimentos morais, e sem embargo, é triste dizê-lo, jamais houve um compassivo que lhe entregue à humanidade a fórmula exata para curar-se de penas morais. São inumeráveis os casos de “suicídio”, e nunca havia falado ninguém sobre a magia das rosas.
    Muitos médicos oficiais causam diariamente mortes culpáveis, sem que a justiça humana lhes alcance, ainda que tenham um cemitério por sua conta. Eu conheço jovens que foram humildes e simples enquanto eram simples estudantes da Faculdade de Medicina, mas tão pronto se titularam de doutores, se volveram orgulhosos, vaidosos e déspotas.
    A medicina é um sacerdócio muito sagrado, e nenhum déspota, nem orgulhoso, poderá ser jamais médico autêntico.

    A Rainha das Flores

    A rosa é a rainha das flores. Ao investigar nos mundos internos a magia vegetal das rosas, podemos evidenciar que os rituais da rainha das flores são nossos mesmos rituais Gnósticos.
    Nos mundos internos existem alguns templos Rosa-cruzes autênticos; um deles é o de Montserrat, Catalunha (Espanha), e outro o de Chapultepec, no México. Os verdadeiros Santuários da verdadeira Rosa-Cruz são totalmente gnósticos. O Raio Gnóstico–Rosa-cruz tem seus templos de Mistérios unicamente nos mundos internos.
    A Rosa, com sua imaculada beleza, encerra a sabedoria espiritual mais inefável do Universo. Os Rituais de Primeiro, Segundo e Terceiro Grau, são a Magia Gnóstica da Rainha das Flores. Todas as plantas têm seus ritos sagrados, mas os ritos sagrados da Rainha das flores, são nossos santos rituais.

    As Rosas de Sírius

    Em certa ocasião, estando eu, SAMAEL AUN WEOR, na estrela de Sírius, vi acolá umas árvores penetradas cada uma delas por damas de uma beleza inefável e comovedora. Aquelas damas me chamaram para que me acercasse a elas; eram damas elementais encarnadas naqueles arbustos. Sua voz melodiosa era música de Paraíso: conferenciei com elas e logo me afastei admirado de tanta beleza.
    Aquele planeta tem dilatados mares, e os habitantes desta estrela jamais mataram nem a um passarinho. Sua organização social seria magnífica para nosso globo terráqueo; se acabariam todos os problemas econômicos do mundo, e reinaria a felicidade sobre a face da terra.
    Os sirianos são pequenos de estatura e têm todos seus sentidos internos perfeitamente desenvolvidos; vestem-se simplesmente com túnicas humildes e usam sandálias de metal. Todo siriano vive em uma pequena casa de madeira, e não há casa que não tenha uma pequena horta onde o dono de casa cultiva os seus alimentos vegetais. Também possui, o dono, um pequeno jardim onde cultiva suas flores. Ali não vivem capitalistas nem tampouco existem cidades ou sem-terra; portanto, as gentes de Sírius não conhecem a fome ou a desgraça.
    No jardim do grande templo do Deus Sírio existem uns roseirais desconhecidos em nossa terra, cada rosa desse jardim é de vários metros de tamanho, e exala um perfume impossível de esquecer. A magia das rosas é algo divino e inefável.
    (Samael Aun Weor, Medicina Oculta e Magia Prática)
    *No original, escreve-se Llanos, porém se pronuncia Lhanos.

    Também podemos imaginar uma intensa e bela luz rosa banhando toda nossa cabeça e nosso corpo mental. :) E também orar intensamente ao Cristo, com muita Fé, pedindo que nos livre da depressão, dor e todo sentimento negativo. ;)

Visualizando 6 posts - 1 até 6 (de 6 do total)

Você deve fazer login para responder a este tópico.